Grupo de conexões em ferro maleável

Uma conexão em ferro maleável, como o próprio nome já diz, foi desenvolvida à base de ferro fundido, sendo muito útil para uma variedade de sistemas no transporte de fluidos, sendo um acessório essencial.

A conexão de ferro maleável possui um acabamento natural em preto, mas também pode ser galvanizado a quente, o que irá permitir que ela tenha uma durabilidade muito maior durante sua vida útil.

Essa conexão de ferro maleável tem extremidade rosqueada, que é utilizada para realizar a junção à tubulação. Assim, seguem devidamente a norma que existe para a fabricação da rosca americana ou até mesmo britânica (NPT ou BSP).

Conexões com rosca BSP

As roscas BSP são popularmente conhecidas como roscas retas, por conta do diâmetro ser o mesmo tanto no início quanto no final da rosca. Isso significa que, ao realizar a medição da rosca, ela terá o mesmo tamanho em ambas as extremidades.

As conexões com roscas BSP geralmente são utilizadas para realizar a condução de óleos e fluidos, por não haver pressão por parte das substâncias líquidas que costumam ser conduzidas nos tubos das tubulações.

Além disso, existe um risco muito reduzido de que ocorra um vazamento ao conduzir fluidos, ou seja, é extremamente seguro utilizar as roscas retas (BSP) nestes tubos e também nas conexões – afinal, irão oferecer o suficiente para realizar a devida vedação.

Conexões com rosca NPT

As conexões com roscas NPT possuem um formato cônico, diferente das roscas BSP; Suas paredes internas vão diminuindo até formar um cone. Normalmente você só conseguirá visualizar essa diferença por meio de um paquímetro, não sendo possível identificar a olho nu.

É este formato cônico que irá oferecer a vedação necessária em determinadas situações. Elas são excelentes para realizar a condução de gases e vapores.

Como é feita a identificação de ambas?

Uma forma bem simples de identificar cada uma dessas roscas (BSP e NPT) é por meio das especificações. Afinal, as normas técnicas são estabelecidas a partir de um consenso entre os especialistas na área e os pesquisadores, sendo então aprovadas pelas instituições internacionais ou nacionais.

Por exemplo, uma rosca NPT será especificada pelas seguintes normas: normas ANSI B1.20.1 e NBR 12912 (idêntica a ANSI). Enquanto isso, a rosca BSP será especificada pelas seguintes normas: ISO 7/1; NBR ISO 7.1 (que estará substituindo a NBR 6414); EN 10226; BS 21; BS EN 10226 e JIS B 0203.

É necessário utilizar outros acessórios na vedação?

O recomendado é utilizar outros acessórios juntamente de uma dessas conexões com roscas BSP ou NPT. Ou seja, esse item não irá excluir a necessidade de complementos para a segurança na tubulação.

Para isso, é possível utilizar certos agentes vedadores, como fitas próprias para roscas, fio cordão e outros. Contudo, a utilização de uma conexão de qualidade, dentro das normas e que seja devidamente instalada é de grande importância no processo de durabilidade e segurança.

Distribuidor Tupy

A Tupy é uma multinacional brasileira que se dedica a desenvolver e produzir componentes estruturais por meio do ferro fundido, oferecendo produtos com um acabamento complexo – tanto no sentido geométrico quanto metalúrgico.

Ela é responsável por fabricar produtos de qualidade, como é o caso das conexões com rosca BSP e NPT – tanto nas opções galvanizadas ou com o acabamento preto. A Motta Soluções Tubulares é distribuidora Tupy!

Conte com a Motta Soluções Tubulares!

A Motta Soluções Tubulares atua em segmentos-chave da economia desde 1987, mostrando-se capacitada a oferecer sempre o melhor ao seu cliente.

Hoje, a empresa já fornece seus produtos e serviços para diversos mercados, incluindo a indústria, construção civil, agronegócio e muitos outros.

Venha conhecer as conexões em ferro maleável da Motta e encontre o melhor negócio para o seu empreendimento.

Compartilhe a postagem: